Novidades Brasil

Novidades Brasil

Ouviram nossas preces: a Vichy lançou o Capital Soleil FPS 50! Além do toque seco ele tem efeito matificante, e é a prova de água e de suor. Custa R$56,90. Espero que seja tão bom quanto a versão com FPS 30. Quem usar primeiro volta aqui pra contar, tá? 🙂

O Boticário lançou desodorantes em spray das suas fragrâncias mais vendidas (femininas e masculinas): Accordes, Glamour, Capricho, Linda, Portinari, Myriad e Arbo. Custam R$18,99 (o refil sai por R$14,99).

A tradicional marca Leite de Colônia lançou Lenços Umedecidos (R$12,00) para remover maquiagem e outras impurezas. Podem ser usados no rosto e nos olhos, a fórmula não possui álcool, e a embalagem vintage é fofa. Prático.

 A Yes! está com várias novidades. A primeira é a linha Urban Men, lançada em comemoração ao Dia dos Pais. A linha é composta por Colônia (R$58,00 – 100ml), Shampoo 4 em 1 (R$19,90), e Desodorante Spray (R$16,00). De acordo com informações da marca, a fragrância “traz, como acordes de saída, chás e cítricos que se combinam com o corpo de notas apimentadas em fundo balsâmico com toques amadeirados”. Já o Shampoo 4 em 1 pode ser usado como shampoo, condicionador, sabonete liquido e espuma de barbear. A fórmula possui vitamina E e extrato de hortelã (que provoca uma sensação de refrescância), além de restaurar cabelos danificados. Parece um produto bem prático para viagens, academia…

A Yes! também está com novidades na linha Erva DoceHidratante Corporal Desodorante Erva Doce + Lavanda (R$17,90), Hidratante Corporal Desodorante Erva Doce + Bergamota (R$17,90), e Sabonete Líquido para Mãos Erva Doce (R$19,90).

E para terminar, finalmente chegou ao Brasil a linha de coloração Revlon ColorSilk (sem amônia). São 32 opções de cores e cada caixinha custa R$12,00. Para quem gosta de tingir os cabelos em casa.

Share

O Stash é editado por Adriana Nunan, especialista em cosméticos de luxo, com mais de 10 anos de experiência em blogs de varejo. Psicóloga clínica e consumidora exigente, Adriana oferece uma perspectiva abrangente dos benefícios – objetivos e subjetivos – dos produtos avaliados.

Recommended Posts

Comments

  1. Finalmente um fps maiorzinho pro capital soleil!
    Foi um dos filtros que eu mais me adaptei ate hoje, o problema eh que o fps 30 era abaixo do que eu desejava, e quanto ao uva, bem, a gente sabe que tem porque tem ali no canto um uva circulado, mas eu gostaria de saber quanto. Isso eh tremendamente irritante, nao pra minha pele, mas pra minha cabeça…
    Ja tentei os protetores asiaticos e pessoalmente nao consegui me adaptar apesar de todo mundo elogiar. No meu caso acho que o problema eh com o alcool, mas nunca sei se tem ou nao, entao preferi comprar o nacional que posso ler a bula e saber se tem efetivamente alcool ou nao.
    Mas sinceramente, ainda espero que a vichy se lembre do sol que faz no brasil e decida lançar um fps 100 como o da bioderma – que por sinal eh muito bom tambem!
    bjs!

    • Drix eu tambem não me adaptei ao protetor japonês que eu tenho que é o Bioré, acho que é por causa do alcool tambem.

      Pelo que já andei pesquisando e ligando para os sac´s da vida, a proteção UVA é no minimo 1/3 do UVB, ou seja, um protetor que tem fps 30, o UVA é 10, importante tambem é procurar saber os filtros que o produto tem que protegem contra os UVAS, parece que o oxido de zinco é o mais eficaz, geralmente os filtros da LA Roche/Vichy usam o Mexoryl, e a naioria do dermatos recomendam e dizem ser muito eficaz.
      Espero ter ajudado!

    • O Capital Soleil FPS 30 também contém álcool… Quanto aos asiáticos, apenas alguns contêm álcool.

  2. Andressa Says: julho 6, 2012 at 2:55 pm

    Não consigo usar o Capital Soleil fsp 30 porque me deixa muito branca! Só passando uma base ou pó por cima, então nem me animo com esse de fator 50.

  3. Eu tenho usado a versão FPS 30 (herança do meu marido que comprou pra ele mas nunca usou) e me adaptei muito bem.

    Logo que aplicado parece que a pele não absorve, mas depois de alguns minutinhos ele assenta. Achei que fica bem mais confortável na pele do que o Minesol Oil Control.

    Dos nacionais é o meu favorito, só não vou comprar essa versão nova porque o “BB cream” da Shiseido está antes na fila, rs.

  4. Silvia, obrigada pela orientaçao. Vou checar entao pra ver os que tem oxido de zinco.
    Pedro, nao sabia que o vichy tinha alcool… mas engraçado que minha pele nao teve nenhuma reaçao desagradavel a ele.
    Ele nao eh taaao sequinho assim, mas eu uso um po incolor por cima e fica tudo certo!

  5. Comprei o Capital Solei SPF 50 pq meus protetores japoneses estavam TODOS parados na alfândega… oooo decepção, o produto acumulou na barba (quando tinha) e nos poros onde a barba ia nascer. Ficava uma crosta branca estranha mesmo aplicando pouco produto. Achei muito estranho, mas ainda bem que consegui trocar 🙂

  6. Minha pele não deu bem com o FPS 30 (ficou oleosa), imagina com o de 50? Não ligo de ficar branca, mas o tal do brilho me incomoda…

    Ainda não achei um protetor que seja O PROTETOR. Meu próximo teste vai ser com o japonês (Bioré), vamos ver…

  7. Pessoal.
    Fiquei animadíssima quando vi o lançamento do Soleil 50 e comprei de imediato, mas confesso que me decepcionei um pouco: deixa meu rosto com aspecto de muuuito brilho e deixa um resíduo estranho também depois que passo. Estranho….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *